Minha escolha de parto – Alice Chegou!

Há exatos 28 dias atrás, esperava ansiosa pela hora marcada de dar entrada no hospital. A minha cesárea foi escolhida de forma consciente e levando em consideração o nosso bem estar! Mas você pode até desconfiar das minhas boas intenções maternas e questionar os Meus conhecimentos sobre as vias de parto (e nem venha me dizer que cesárea não é via de parto…)!

Por muito tempo sonhei com o parto normal (com anestesia, hospital e médico grudadinhos em mim!), mas no final do ano passado fomos pegos de surpresa: foi preciso uma mudança de estado e nesse momento, muitos quilômetros me afastavam do meu sonho! Era necessário partir do zero, encontrar uma equipe de confiança, um hospital que fosse referência e tivesse uma estrutura compatível com os hospitais da minha cidade. A busca me rendeu muito choro, desespero é uma vontade incrível de desistir de tudo, voltar correndo pra minha cidade e ter a Alice juntinho dos médicos, da minha família e amigos!

Tentei me manter calma, mas chorei por dias seguidos. Uma mistura de medo pelo que estava por vir, responsabilidade pela decisão que precisava tomar e desespero porque as coisas pareciam que nunca iam se encaixar. Nada é tão simples quando já se tem um filho! Lara está na alfabetização e não poderia perder meses de aula. Eu até poderia matricular ela em uma escola no Recife, mas o processo de adaptação seria cruel novamente.

A dúvida durou apenas o tempo necessário! Percebi que o meu bem estar também era o da minha família e a minha segurança também era a deles! Eu tinha muitos medos… e quando a gente expõe a nossa decisão para milhares de pessoas, o medo é potencializado! Não é fácil, mas eu nunca achei que uma mudança com 16 semanas de gestação seria simples. Nunca achei que a busca por médicos que correspondessem às minhas expectativa seria TÃO DIFÍCIL! E foi, foi difícil ir a um médico que não sabia sequer o meu nome, não estava preocupado com o meu bem estar e atendia com a velocidade da luz, porque quantidade é sempre mais importante $ que qualidade. Falam tanto sobre humanização no parto, mas esquecem que a humanização deve acontecer durante o pré e o pós parto também!

Todos os acontecimentos me levaram para a escolha mais consciente e pensada da minha vida: eu iria sim ter uma cesárea marcada na minha cidade, ao lado dos meus médicos e no hospital que eu escolhi! E eu estava em paz com a minha escolha!

A logística foi complexa: com 36 semanas sai de Fortaleza rumo à Recife, apenas com a autorização da minha médica (por escrito!) e uma tranquila certeza de que 45 minutos de voo não iam mudar a nossa historia! Meias de compressão nas pernas e pés, tranquilidade no coração e uma mala a mais na bagagem! Ia com a certeza de que na volta seríamos quatro e estaríamos completos! ❤️

Com 38 semanas e 6 dias, mais precisamente no dia 1 de Maio de 2015, Alice veio ao mundo pelas mãos da minha irmã. A minha médica amada, gentil, dedicada e apaixonada pelo o que faz. Ela juntou a sua melhor equipe (e que equipe maravilhosa!) e transformou o meu enorme pavor do momento (tive um medo “bobo” de morrer e deixar Lara e Alice sem mãe) em uma lembranca incrível, a minha branquinha chegou para trazer alegria e paz para a minha família e a carinha da minha médica traduzia tudo o que eu sonnei para nós naquele momento. A chegada de Alice foi puro amor. ❤️

Volta para casa

De acordo com as companhias aéreas, um recém nascido de apenas 7 dias já pode voar. Mas o tempo ideal, de acordo com o pediatra da Lara seria de 2 meses, quando as primeiras e principais vacinas já foram tomadas. Aqui, decidimos que iríamos retornar para casa quando Alice completasse 10 dias, já com as primeiras vacinas tomadas e com a amamentação materna em livre demanda também (você sabia que o leite materno é considerado vacina natural e ajuda a proteger o bebê de vírus e bactérias a que são expostos junto com a mamãe?).

A decisão foi tomada, as passagens compradas e os 45 minutos de vôo nos trouxeram para casa sem maiores problemas ou dificuldades. Atenção redobrada na hora da decolagem e aterrisagem, para não causar danos ao ouvidinho ainda tão sensível dela, e chegamos no nosso lar, ansiosos para mostrar para Alice tudo aquilo que preparamos para ela durante tantos meses.

Toda decisão tem riscos, prós e contras! No nosso caso, desde o começo do ano, tenho planos a, b e c.. Tudo para garantir que o meu desejo de estar ao lado da minha equipe médica e família fosse colocada em prática. De verdade, não me arrependo nem por um minuto de todo esforço em conjunto que fizemos para viver aqueles momentos… Mas se você está em dúvida ou em busca de respostas, se cerque de confiança, amor e decidia em conjunto com o seu time (família e equipe médica).

Quem diz que cesárea é uma escolha fácil, nunca lidou com os grandes incômodos do parto e principalmente com as dores do pós parto! Essa foi uma escolha difícil de tomar, mas hoje não me arrependo! Graças a Deus, Alice nasceu com saúde e pudemos comemorar em família o quão esperada foi a minha Alice. ❤️

E por aí, tivemos escolhas difíceis há fazer?
️Beijos,
Nanda
ananda@meudiadmae.com.br

, , , , , , , ,

Fotografia – O Olhar e a Arte da Mariana Santos

Formada em nutrição, Mariana Santos trabalhou por 10 anos na área antes de abandoná-la para se dedicar ao seu primeiro trabalho ligado à arte. Como designer gráfica ela trabalhou em grandes editoras do país e teve uma carreira super bem sucedida até descobrir a fotografia, a arte que mais tarde ela descobriria ser a paixão da sua vida.

Em 2007, ainda no Rio de Janeiro (sua cidade natal), o amor da Mariana pela fotografia virou profissão. Lá trabalhou por 6 anos e em 2013 veio morar em Recife, sua residência atual. Muito parecida com a cidade maravilhosa, Recife virou cenário para muitas das suas fotos e se tornou também uma paixão, é aqui que ela desenvolve sua arte e empresta seu olhar para registrar momentos especiais vividos em família.

A Mariana Santos, nossa nova parceira aqui no blog, fotografa festa Infantil, parto, newborn, ensaio gestante, criança , família e tudo mais que envolver amor, afinal, não é este o sentimento mais inspirador?

“Meu maior desafio com a fotografia é registrar a emoção vivida em determinado instante. E meu maior prazer é poder entregar ao cliente a fotografia marcada pela emoção e pela beleza de cada momento. Realizo meu trabalho com muita paixão e adoro registrar momentos especiais. Sou incansável na busca de um sorriso ou uma expressão que represente aquele instante”.

A partir de agora teremos o prazer de dividir com vocês muitos trabalhos realizados por esta querida fotógrafa, mas para começar, confiram os 3 aninhos da Maria Fernanda, aniversariante linda fotografada pela Mariana =)

, , , , , , , , , ,

O Chá de Bebê da Isadora – Tema “Chuva de Amor”

Adoro a ideia de fazer chá de bebê temático, mas confesso que nunca vi um tema tão apropriado para um chá como este do post de hoje. “Chuva de Amor”, o chá de bebê da Isadora foi todo desenvolvido com base neste tema, além de ter ficado lindo, ficou perfeito para o momento, afinal, quando um bebê nasce é isso que a gente recebe não é mesmo? Muito, muito amor! Confiram as fotos da decoração feita pela querida Malu Mattos e se apaixonem!!

Fotos: Luciana Cardoso / Produção, decoração e guloseimas personalizadas: Malu Mattos Ateliê de Eventos / Doces tradicionais: Divine Sapore / Doces decorados: Tais Fernandes

Lindo demais né gente? Post super inspirador, literalmente uma chuva de amor =)

Beijos, Mila Moura

, , , , , , ,

Os 04 Anos da Amanda – Tema “Frozen”

Faz parte da infância de toda menina, nós sempre sonhamos em ser princesa, ainda que por um dia. E ainda bem que existem as festas temáticas para nos proporcionar esta magia, criança tem mais é que sonhar, fazer de conta, ser feliz, não é mesmo? E a Amanda pode ter este dia de princesa graças a festinha linda que a mamãe Marília fez para comemorar seus 4 anos de vida. Um aniversário cheio de capricho e detalhes, vale à pena conferir e se inspirar. Se você é mamãe de menina tenho certeza que vai amar =)

Fotos: Priscila Tenório / Decoração: Criancices / Bolo: Vania Elihimas / Doces: Lucinha Cascão / Personalizados: Wanda By Mommy / Balas italianas: Leci Beatriz Bem Casados / Peças: Bonparti Locações / Personagem: Petequinha

Parabéns Marília pela festa linda e pela Amanda que é uma princesa de verdade =) Muita saúde e amor pra vocês!

Beijos, Mila Moura

QUER MANDAR SUAS FOTOS? ENTRE EM CONTATO NO MILA@MEUDIADMAE.COM.BR PARA SABER COMO! VAMOS ADORAR DIVIDIR SUA FESTA AQUI =)

, , , , , , , , , , ,